PREFEITURA REDOBRA AÇÕES CONTRA O CORONAVÍRUS EM BARROLÂNDIA

A Prefeitura Municipal de Belmonte, através da sua Secretaria de Saúde e com ajuda de voluntários, iniciou a desinfecção das ruas e áreas do comércio local de Barrolândia. A ação acontece depois que o distrito registrou o primeiro óbito por COVID-19 da Costa do Descobrimento. O Secretário Tarcio Lapa informou que foi feita uma reunião com todos os envolvidos onde foram passadas as instruções e distribuídos os EPI’s. A substancia usada na desinfecção foi o Hipoclorito de Sódio.“Agradeço a todos os voluntários envolvidos e fico feliz que a população está se conscientizando do perigo que estamos expostos.” – Comentou Tárcio Lapa.

O Secretário também informou que o Hospital Dr. José da Costa Pinto Dantas também passou pelo processo de desinfecção após alta do paciente com o COVID-19 que estava internado na unidade. “Tivemos o maior cuidado de desinfectar todo o local onde esse paciente ficou, bem como, utensílios usados durante a sua estadia no hospital. Todo o trabalho foi feito encima de protocolos da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde.” – Finalizou Tárcio.

Tárcio também ressaltou que a barreira sanitária continua mantida na entrada do município de Belmonte e que a Secretaria Municipal de Saúde tem acompanhado todas as pessoas vindas de cidades com casos confirmados do COVID-19. “O Prefeito Janival também estuda a manutenção dos decretos que limitam o funcionamento de estabelecimentos comerciais e suspendem as aulas nas redes públicas e privadas. Todas as secretarias estão empenhadas em ações de combate ao COVID-19.” – Finalizou Tárcio.

Belmonte registrou nessa semana o primeiro caso de óbito pelo Novo Coronavírus da Costa do Descobrimento. A paciente, uma senhora de 82 anos que vivia em Barrolândia, ficou cerca de 10 dias internada no Hospital Luis Eduardo Magalhães, em Porto Seguro, e veio a falecer em consequência de uma insuficiência respiratória causada pela doença. A Secretaria Municipal de Saúde de Belmonte ainda informou que a idosa sofria de outras comorbidades como: hipertensão e diabetes.

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *