Belmonte 

Em Belmonte, desrespeito da Coelba vira piada e motivo até de apostas

Queima de equipamentos, bares fechados, carnaval interrompido e até falta de água. Esse foi o resultado do desrespeito da Coeba aos moradores de Belmonte, no sul baiano. A falta de energia na cidade é constante e diante do caos, virou piada e motivo de apostas. No domingo (23/02), o município ficou sem luz por sete vezes. No primeiro dia de carnaval, na quinta-feira, foram cinco horas sem energia.

Dezenas de pessoas, inclusive, participam de um bolão em que alguns garantem que até o ultimo dia de festa vai faltar energia pelo menos uma vez. Outros apostam que será duas vezes. A competição está aberta.

Em conversa com a nossa equipe, o deputado estadual Jânio Natal criticou duramente o “descaso constante da Empresa perante a cidade de Belmonte, que frequentemente falta energia”.

“Todos os anos de carnaval falta energia em pleno auge da festa. Este ano não está diferente. Nesta sexta de carnaval, para não sair da rotina, 21h faltou energia, prejudicando os comerciantes e os foliões da cidade, além dos visitantes. Isso é uma vergonha e desrespeito”, desabafou o parlamentar.

Via WhatsApp, um dono de hotel relatou indignado que perdeu um ar-condicionado e um freezer: “Quero saber o que vou fazer com isso. A Coelba é muito irresponsável”.

Para completar o transtorno causado pela Coelba, o escritório da Empresa Baiana de Água e Saneamento (EMBASA) em Belmonte informou em nota ontem que o fornecimento de água na sede do município foi interrompido devido às oscilações da energia elétrica que alimenta os equipamentos na captação do Riacho da Conceição. Ainda de acordo com a empresa, a Estação de Tratamento também está sendo afetada pelos problemas na energia elétrica e encontra-se paralisada.

O Portal do Guaiamum entrou em contato com a Coelba através do canal oficial disponibilizado aos veículos de comunicação e aguarda o posicionamento oficial.

Comments

comments

Veja tambem ...

Leave a Comment