Educação 

Secretário Rogério Bahia esclarece processo de transição do 2º Grau municipal para o Estado.

Uma portaria publicada no Diário Oficial do Município de Belmonte, de nº 26/2019, estabelecendo prazos e procedimentos para a matrícula nos estabelecimentos de ensino da rede pública municipal de ensino causou muita polêmica e deixou apreensiva as comunidades de Santa Maria Eterna, Boca do Córrego e Barrolândia.

O documento, em seu ítem III, informa que a Prefeitura de Belmonte não disponibilizará mais vagas para o Ensino Médio no município e que os estudantes procurem as unidades estaduais para se matricularem e dar continuidade aos estudos. A informação causou preocupação aos moradores das localidades citadas, já que, Belmonte só tem um colégio de Segundo grau do Estado que fica localizado na sede do município, fato que, pela distancia de deslocamento, inviabiliza a continuidade dos estudos dos alunos daquelas comunidades.

Em conversa com o Secretário de Educação Rogério Bahia, o mesmo explicou à nossa equipe que está acontecendo uma transição de responsabilidade do ensino médio, haja vista que, o estado, por lei, é o responsável e não o município. O mesmo ainda explicou que o modelo anterior adotado se tornou insustentável além de acabar causando problemas para os alunos na hora do reconhecimento dos certificado. “O sistema adotado anteriormente prejudicou a vida escolar de cerca de 3.000 estudantes e gerou um prejuízo de cerca de R$ 10 Milhões nos últimos 06 anos à Prefeitura de Belmonte. Tinha que ser feito alguma coisa não pode ficar empurrando um problema desse com a barriga. Foi feita uma auditoria com técnicos da Secretaria Estadual de Educação que comprovou essa situação” – Comentou o Secretário.

Rogério Bahia finalizou a conversa colocando que todo o processo de transição já está pronto e que o Ensino Médio de Santa Maria Eterna, Boca do Córrego e Barrolândia continuarão funcionando nos mesmos locais, só que, sob tutela do Estado. Rogério ainda colocou que irá junto com os técnicos da secretária à Santa Maria Eterna e Barrolândia para explicar aos pais, funcionários e alunos todos os detalhes do processo de transição e informou que a Prefeitura de Belmonte estará dando todo o suporte ao Governo do Estado para que nenhum aluno seja prejudicado em seus estudos. “Essas localidades não perderão as suas unidades de ensino. Apenas estamos resolvendo esse problema de uma vez por todas com a ajuda da Secretaria Estadual de Educação e do Governador Rui Costa.” – Finalizou Rogério.

Comments

comments

Veja tambem ...

Leave a Comment