Profissionais da educação de Guaratinga podem paralisar a partir desta sexta por falta de pagamento

Os profissionais da rede pública municipal de ensino de Guaratinga podem deflagrar uma paralisação a partir desta sexta-feira (09). A categoria reivindica a falta de pagamento referente ao mês de outubro e ausência de repasse sindical dos últimos quatro meses.

A APLB Sindicato informou que uma assembleia definirá a possibilidade de paralisação. “Já foi convocada uma assembleia para o quinto dia útil, que acontece nesta quinta-feira (08). Caso a gestão não efetue o pagamento até esta data, a categoria deflagrará uma paralisação”, esclareceu o presidente da APLB, Orlandy Pereira.

Além da falta de pagamento referente ao mês de outubro, segundo a categoria, a gestão também não está realizando o repasse sindical. “A gestão está descontando o valor dos filiados, mas não está repassando para os sindicatos há quatro meses, que gera uma dívida de quase R$ 43 mil. Com isso, a APLB Sindicato, por exemplo, está com dívidas atrasadas que precisam ser quitadas urgentemente”, pontuou o presidente.

Caso a paralisação seja confirmada, será a terceira nos últimos três meses. “O mês de agosto só foi completamente pago em 19 de setembro, e o mês de setembro só foi quitado no dia 11 de outubro. Então a gestão não está gerindo de forma correta, não paga na data prevista, caracterizando improbidade administrativa e apropriação indébita, que estão previstos no Código Penal. E caso não haja efetuação do pagamento até esta quinta, deflagraremos a terceira paralisação num período de três meses, pois do dia 1º de outubro até o presente momento, o Fundeb destinou R$ 1,4 milhão para Guaratinga e a administração não paga os profissionais da educação”, finalizou Orlandy.

Adicione o PORTAL DO GUAIAMUM no seu WhatsApp: (73) 981071102
Presenciou algo importante ou registrou em foto, áudio ou vídeo?
Então compartilhe com a gente.
WhatsApp do PORTAL: (73) 981071102

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal do Guaiamum. Qualquer inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros serão vedados e poderão ser retirados, sem prévia notificação, o mesmo segue para postagens que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *